Sanjoanense soma 4ª vitória no campeonato

Estádio Conde Dias Garcia

Sanjoanense 1 x Amarante FC 0

Ao Intervalo 0-0

AD Sanjoanense: Diogo Almeida, Gil Barros, Ruben (c), Godinho, Daniel, Barbosa, Ricardo (Amorim 73), Juninho (Elisson 57), Edson, Elder Santana e Belkheir (Marcílio 73).

Treinador -Sérgio Machado

Amarante FC: Carlos, Cesar, Simão, P. Pacheco, Tiago Silva, Piquet (Edi 84), Lamelas, Danilo (Varela 84), Alex Silva (Junca 70), Ricky e Cissé.

Treinador – Mauro Santos

Golo: Elder Santana 83

Emoção e paixão valeram três importantes pontos

Na receção ao Amarante, a Sanjoanense não teve vida facilitada, mas, mais uma vez, muniu-se do crer e da paixão para, a ferros, arrancar um importante triunfo. Minutos finais voltaram a ser de felicidade para os comandados de Sérgio Machado.

Num encontro com poucos lances de registo, foram os alvinegros que começaram melhor, fazendo-se valer do estatuto de visitados e da maior qualidade para mandarem no jogo. Ainda assim, a espaços, o Amarante mostrava querer rentabilizar a viagem a São João da Madeira, mas encontrou sempre pela frente a boa coesão defensiva da Sanjoanense, que foi travando com sucesso todas as investidas contrárias.

Com muita disputa a meio-campo, desde cedo se percebeu que o encontro se decidiria nos detalhes. E, até, na estratégia. Neste ponto, Sérgio Machado foi mais forte e atrevido que o rival e, com três substituições ofensivas, duas delas simultâneas, a cerca de meia-hora do final, procurou a sorte que parecia não querer sorrir.

Na última alteração, o técnico não se escondeu e lançou Bruno Amorim, abdicando de Ricardo, um dos médios mais recuados, e foi com a equipa já balanceada no ataque que a vitória surgiu. À semelhança do triunfo diante do Sporting Ideal, para a Taça de Portugal, foi na sequência de um canto que a Sanjoanense segurou os três pontos, depois de Élder Santana, mais forte do que toda a concorrência, ter cabeceado para o fundo das redes contrárias.

Com novo triunfo, a Sanjoanense, que não conhece o sabor da derrota desde a ronda inaugural, divide o terceiro lugar da Série B do Campeonato de Portugal com o Arouca, na véspera da deslocação a Felgueiras, em jogo a contar para a 7.ª jornada da competição. Nota ainda para a capacidade defensiva dos alvinegros, que não sofrem qualquer golo há cinco jogos consecutivos, dois deles para a Taça de Portugal.

ClubeJVEDP
AD Sanjoanense741213
Castro Daire71154
FC Arouca751116
Coimbrões731310
Ginásio Figueirense72147
Pedras Rubras71336
Sp. Espinho733112
Felgueiras724110
Trofense71154
Paredes72329
Amarante71154
Vila Real71154
Leça751116
Gondomar71245
Lusitano Vildemoinhos740312
Valadares741213
Lourosa752017
Canelas 2010733112