Sanjoanense soma 4ª vitória no campeonato

Estádio Conde Dias Garcia

Sanjoanense 1 x Amarante FC 0

Ao Intervalo 0-0

AD Sanjoanense: Diogo Almeida, Gil Barros, Ruben (c), Godinho, Daniel, Barbosa, Ricardo (Amorim 73), Juninho (Elisson 57), Edson, Elder Santana e Belkheir (Marcílio 73).

Treinador -Sérgio Machado

Amarante FC: Carlos, Cesar, Simão, P. Pacheco, Tiago Silva, Piquet (Edi 84), Lamelas, Danilo (Varela 84), Alex Silva (Junca 70), Ricky e Cissé.

Treinador – Mauro Santos

Golo: Elder Santana 83

Emoção e paixão valeram três importantes pontos

Na receção ao Amarante, a Sanjoanense não teve vida facilitada, mas, mais uma vez, muniu-se do crer e da paixão para, a ferros, arrancar um importante triunfo. Minutos finais voltaram a ser de felicidade para os comandados de Sérgio Machado.

Num encontro com poucos lances de registo, foram os alvinegros que começaram melhor, fazendo-se valer do estatuto de visitados e da maior qualidade para mandarem no jogo. Ainda assim, a espaços, o Amarante mostrava querer rentabilizar a viagem a São João da Madeira, mas encontrou sempre pela frente a boa coesão defensiva da Sanjoanense, que foi travando com sucesso todas as investidas contrárias.

Com muita disputa a meio-campo, desde cedo se percebeu que o encontro se decidiria nos detalhes. E, até, na estratégia. Neste ponto, Sérgio Machado foi mais forte e atrevido que o rival e, com três substituições ofensivas, duas delas simultâneas, a cerca de meia-hora do final, procurou a sorte que parecia não querer sorrir.

Na última alteração, o técnico não se escondeu e lançou Bruno Amorim, abdicando de Ricardo, um dos médios mais recuados, e foi com a equipa já balanceada no ataque que a vitória surgiu. À semelhança do triunfo diante do Sporting Ideal, para a Taça de Portugal, foi na sequência de um canto que a Sanjoanense segurou os três pontos, depois de Élder Santana, mais forte do que toda a concorrência, ter cabeceado para o fundo das redes contrárias.

Com novo triunfo, a Sanjoanense, que não conhece o sabor da derrota desde a ronda inaugural, divide o terceiro lugar da Série B do Campeonato de Portugal com o Arouca, na véspera da deslocação a Felgueiras, em jogo a contar para a 7.ª jornada da competição. Nota ainda para a capacidade defensiva dos alvinegros, que não sofrem qualquer golo há cinco jogos consecutivos, dois deles para a Taça de Portugal.

ClubeJVEDP
AD Sanjoanense10101
Sp Espinho10010
Lourosa11003
Vildemoinhos10010
Valadares10010
Canelas 201011003
Anadia11001
Águeda10010
Beira-Mar10010
S. J. Vêr10101
Vila Cortez11003
Castro Daire11003