Sanjoanense aproximou-se do topo à boleia de Belkheir

Estádio Conde Dias Garcia

Sanjoanense 3 x Valadares Gaia 1

Árbitro – João Santos- AF Coimbra

Sanjoanense: Diogo Almeida ( Daniel 63) Gil Barros, Almeida (c), Ruben, Ibrahim, Barbosa, Ricardo (Juninho 74), George, Paulinho, Belkheir (Edson 78) e Elder Santana.

Treinador- Sérgio Machado

Valadares: Jefferson, Diogo Sousa, Eridson, Quintero, Igor, Kevin, George, (Leónidas 6), Taofiq, Fabrício (Pedro Silva 72), Caleb e Jonathan (Midana 45).

Treinador- Carlos Cunha

Golos: Belkheir 28’ 31’ 75’ e Midana 80’

Exibição personalizada, a da Sanjoanense, com toque de mestria de Belkheir. Os alvinegros asseguraram o segundo triunfo consecutivo, na receção ao Valadares, e tiveram no avançado Francês, autor de um ‘hat-trick’, a figura de proa.

A Sanjoanense começou melhor e Belkheir desde cedo mostrou que o jogo podia sorrir-lhe. Por volta dos 20 minutos, o avançado rematou de primeira, após lançamento logo desde o lado esquerdo, para defesa apertada de Jeferson, que desviou para canto. Na sequência, Barbosa, ao segundo poste, cabeceou ligeiramente ao lado, dando sensação de golo aos adeptos presentes.

O golo espreitava e não tardou a surgir. À passagem da meia-hora, Belkheir recebeu de peito no limite da grande área e, com um remate de primeira, de pé esquerdo, abriu a contagem.

O golo motivou a formação de São João da Madeira e os minutos que se seguiram marcaram aquele que foi o melhor período do encontro. Tanto que, três minutos depois, o avançado aumentou a contagem coletiva e pessoal, ao trabalhar bem sobre o defesa contrário, após cruzamento de Élder Santana, rematando sem hipótese de defesa para Jeferson.

O Valadares procurava dar resposta ao poder ofensivo da Sanjoanense e, ainda antes dos 40 minutos, podia, por duas vezes, ter reduzido a desvantagem, mas nem Caleb nem Jonathan foram capazes de concretizar as oportunidades criadas.

Perto do descanso, nota ainda para mais uma excelente intervenção de Jeferson, que negou o golo a Élder Santana, evitando um resultado mais distanciado ao intervalo.

Na segunda metade, os comandados de Sérgio Machado controlaram o rumo do jogo e as oportunidades de golo foram mais escassas. Ainda assim, a Sanjoanense mostrava-se mais capaz e foi sem surpresa que chegou ao 3-0, pelo inevitável Belkheir, que coroou uma excelente exibição com mais um remate certeiro, na sequência de uma excelente combinação atacante.

A terminar, os forasteiros ainda encurtaram distâncias por Midana, que surgiu na cara de Diogo Almeida e fixou o resultado.

Com este triunfo, a Sanjoanense encurta distâncias para os lugares cimeiros, antes da visita a Canelas, na próxima jornada.


ClubeJVEDP
AD Sanjoanense25126742
Castro Daire25128544
FC Arouca25184358
Coimbrões25861130
Ginásio Figueirense2523209
Pedras Rubras25771128
Sp. Espinho25139348
Felgueiras25125841
Trofense25861130
Paredes2597934
Amarante2589833
Vila Real25431815
Leça25137546
Gondomar25761227
Lusitano Vildemoinhos25741425
Valadares25741425
Lourosa25148350
Canelas 201025712633