Minutos iniciais traíram Sanjoanense

Complexo Desportivo Castro Daire

Castro Daire 2 x Sanjoanense 1

Árbitro: Quitério Almeida – AF Lisboa

Castro Daire: Pedro Gonçalves, Simão, Luís Pedro, Carlitos, Fred (Luís Paiva 92), Rui Mendonça, Peterson (Pedro Marado 75), Márcio Santos, Tomé, Binaia (Hugo Parente 88) e Marcel.

Treinador – Vasco Almeida

Sanjoanense: Diogo Almeida, Gil Barros, Almeida (C), Ruben, Daniel, Barbosa, Ricardo ( Juninho 46), George ( Elisson 66), Elder Santana, Marcilío (Ibrahim 45) e Edson.

Treinador – Sérgio Machado

Golos: Marcel (3), Binaia (46) e Elder Santana (49).

Amarelos: Ricardo, Simão, Luís Pedro, Gil Barros e Diogo Almeida.

Sanjoanense entrou em 2020 com o pé esquerdo

A Sanjoanense cedeu em Castro Daire, em jogo da 16ª jornada da Série B do Campeonato de Portugal, o primeiro do ano de 2020.

Numa deslocação que se sabia, de antemão, não ser tarefa fácil, os comandados de Sérgio Machado mostraram-se a bom nível, essencialmente na segunda metade, não tendo conseguido inverter, porém, o rumo de uma primeira parte que definiu o resultado final.

E a história do encontro começou a ser contada bem cedo. Com apenas 4 minutos jogados, Marcel Ribeiro aproveitou um cruzamento desde o lado direito do ataque e, com um cabeceamento certeiro no coração da área, abriu a contagem a favor dos locais.

A Sanjoanense corria para voltar ao encontro, tinha mais bola, mas não conseguia concretizar a superioridade, alimentando a ambição do adversário, que aumentou a vantagem naquele que foi o período mais animado do encontro.

Quando já se jogava a compensação da primeira parte, Nuno Binaia surgiu em posição privilegiada e, cara a cara com Diogo Almeida, teve discernimento para arriscar um chapéu, dando, aparentemente, maior tranquilidade aos da casa.

Ainda assim, a resposta não tardou e, quatro minutos depois, Élder Santana voltou a recolocar a margem mínima no marcador, na cobrança de uma grande penalidade assinalada por falta sobre Ibrahim.

Com 2-1 no marcador, a formação alvinegra acreditava que podia sair de Castro Daire com pontos, mas, apesar de ter mantido a toada ofensiva na etapa complementar, não mais conseguiu visar com sucesso a baliza contrária, tendo entrado com o pé esquerdo no ano de 2020.

No próximo domingo, o Conde Dias Garcia vai ser palco de um dérbi sempre apaixonante, com a receção da Sanjoanense ao Sporting de Espinho.

ClubeJVEDP
AD Sanjoanense41215
Sp Espinho40040
Lourosa31114
Vildemoinhos30121
Valadares21013
Canelas 2010440012
Anadia42208
Águeda31023
Beira-Mar43019
S. J. Vêr42117
Vila Cortez41033
Castro Daire42117