Sanjoanense entra com o pé esquerdo na fase de subida à liga 3

A Sanjoanense perdeu (2-0) na deslocação a Leça da Palmeira no primeiro jogo da fase de acesso à Liga 3. Os golos só aconteceram no segundo tempo, numa partida com poucas oportunidades, mas com os homens da casa a estarem bem na finalização.

Primeira partida da fase de acesso à Liga 3, com a Sanjoanense a deslocar-se a Leça da Palmeira. Os alvinegros chegaram a esta fase apenas com duas derrotas, e foi com essa vontade que partiram para defrontar o Leça FC. O início do jogo ficou marcado por um estudo mútuo dos dois conjuntos, assistindo-se a um jogo muito tático e com as equipas a encaixarem-se.

Sem grandes oportunidades de golo, a Sanjoanense ia tentando pressionar alto o portador da bola, e do outro lado o Leça respondia com saídas rápidas de transição, numa clara tentativa de surpreender o adversário. No entanto, o intervalo chegou sem golos, mas ao cair do pano do primeiro tempo, e fruto de uma perda de bola a meio campo, Isaac Cisse, apareceu lançado pelo lado esquerdo do seu ataque, e à saída de Diogo Almeida tentou bater o guarda-redes alvinegro que respondeu com uma excelente intervenção, levando as duas equipas empatadas a zero para os balneários.

O resultado aceitava-se até porque o jogo disputou-se muito a meio campo, com os dois conjuntos a anularam bem todas as tentativas de aproximação às suas balizas.

O segundo tempo não trouxe grandes alterações, e só aos 52 minutos aconteceu o primeiro lance digno de registo. com Márcio a rematar forte junto ao poste esquerdo de Cristiano. Sem grandes lances que criassem algum perigo junto das áreas, o tempo ia passando, mas eram os homens da casa que lentamente começavam a tomar conta do jogo. Até que, à passagem dos 65 minutos, num lance de insistência de Isaac Cissé, dentro da área dos alvinegros, Fernando Ferreira assinalou grande penalidade a castigar um toque de Danso no pé do avançado leceiro. Chamado à conversão, Jardel bateu forte e bem colocado para o lado esquerde de Diogo Almeida e fez o primeiro golo da partida.

A Sanjoanense reagiu e aos 70 minutos Godinho esteve perto do golo do empate, num lance em que os visitantes ainda reclamaram grande penalidade por possível mão na bola do defensor do Leça, mas que o árbitro da partida assim não o entendeu. A partir daqui o jogo ficou mais aberto e os visitantes corriam atrás do prejuízo, com os da casa a demonstrarem uma boa consistência defensiva, saindo em transição com qualidade.

Domingos Barros mexeu na equipa e lançou José Varela aos 72 minutos, que foi fundamental para assegurar a vitória dos leceiros. O jogador trouxe mais dinâmica ao ataque dos homens da casa, criando alguns desequilíbrios e fechou as contas do jogo, ao fazer o 2-0 aos 90 minutos. Boa combinação dentro da área, com Varela a receber de costas para a baliza, a rodar e a rematar forte à saída de Diogo Almeida.

Vitória justa do Leça , que mesmo sem ter tido um grande domínio na partida, foi a equipa que esteve melhor no campo da finalização, aproveitando bem as oportunidades de golo para assegurar os três pontos. Apesar da derrota a Sanjoanense não tem nada perdido e no próximo domingo, dia 2 de maio, pelas 16h00, recebe o Gondomar, que empatou no seu reduto frente ao S. João de Ver, para tentar recuperar os pontos perdidos.

Jornal ORegional

ClubeJVEDP
AD Sanjoanense21013
Leça FC21104
Gondormar20111
SJ Vêr20202