Sanjoanense regressou às vitórias

Estádio Conde Dias Garcia

18ª Jornada Campeonato Portugal

Sanjoanense 3 x Lusitano Vildemoinhos 0

Árbitro: Tiago Sá – AF Porto

Ao intervalo 1-0

Sanjoanense: Diogo Almeida, Gil Barros, Ruben (c), Godinho (Godinho 61), Aldair, Barbosa (Danso 53), George, Sam (Jean 66), Márcio (Eecion 66), Elder Santana e Nonato (Mário Correia).

Treinador – Sérgio Machado

L. Vildemoinhos: Ruca Gonçalo, Calico, Leal (Tiago Almeida 79), Ursos (Jake 79), Zé Francisco (Mauro 54), Braz (Sena 68), Luís Almeida, Raphael Almeida, Xandão, Anael (Dare 54).

Treinador – Paulo Meneses

Golos: Elder Santana (10), Sam Silvera (46) e Aldair (51).

A Sanjoanense recebeu e venceu, esta tarde, o Lusitano de Vildemoinhos, em jogo da 18ª jornada da série D do Campeonato de Portugal. A partida foi antecedida por um minuto de silêncio em memória do ex-futebolista e funcionário do clube, Arménio Alberto, conhecido como Adé.

Os visitantes, a precisarem de pontos para fugirem à zona de despromoção, apresentaram-se em S. João da Madeira com um futebol atrevido, a tentar surpreender os alvinegros. No entanto, a Sanjoanense não se deixou surpreender e, à passagem dos seis minutos de jogo, na marcação de um canto do lado direito do ataque da Sanjoanense, George sofreu falta dentro da área, para grande penalidade. Na sequência deste lance, o jogador do Vildemoinhos, Xandão, carregou Barbosa e viu o segundo cartão amarelo em poucos minutos, reduzindo a sua equipa a 10 jogadores.

Apesar da confusão, na marca do pontapé da grande penalidade, o goleador Elder Santana não tremeu e rematou forte junto ao poste direito de Ruca, fazendo o primeiro da partida.

Até ao intervalo, não houve mais alterações no marcador, apesar da Sanjoanense ter passado a ter mais espaço na frente. As equipas foram para os balneários com a Sanjoanense a vencer por 1-0.

O reinício da partida não poderia ter sido melhor. Aos 46 minutos, Sam recebeu a bola em zona central, avançou até à entrada da área e rematou cruzado ao poste esquerdo de Ruca, para fazer o 2-0. Estava moralizada a equipa da casa, que aos 51 minutos chegou ao 3-0. Aldair, numa triangulação com Márcio, apareceu na pequena área e, quase já sem ângulo, rematou para golo, com a bola ainda a embater num defesa.

A perder por 3-0, a equipa do Lusitano só conseguia chegar à baliza contrária em lances de bola parada e nunca assustou verdadeiramente Diogo. Esteve até a Sanjoanense mais perto do golo, tendo o guarda-redes contrário evitado o desfecho.

Vitória tranquila e por números expressivos, numa tarde em que a Sanjoanense acabou por beneficiar do empate do Beira-Mar frente ao Sporting de Espinho, ampliando a vantagem para quatro pontos e segurando a 5ª posição, com 29 pontos.

Na próxima jornada, no sábado, 6 de março, pelas 15h00, há deslocação ao dificílimo terreno do Anadia, líder da Série D.

Jornal ORegional

ClubeJVEDP
AD Sanjoanense41033
UD Oliveirense43019
L. Lourosa43019
Pevidém SC40131
Fafe41215
SC Braga B40313
Vitória B42117
Canelas 201040222
SJ Ver41306
Montalegre42026
Anadia FC41124
FC Felgueiras431010